sexta-feira, 13 de julho de 2018

Licitação em Alto Santo previa medalhas suficientes para 35% da população



Está suspensa pelo Tribunal de Contas do Estado a compra de material esportivo pela Prefeitura de Alto Santo, a 241,1 km de Fortaleza.

No lote 3 do certame, era prevista aquisição de seis mil medalhas, número duficiente para premiar mais de 35% da população de Alto Santo, que segundo censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2017 era 16.976 habitantes. 

Suspeita de superfaturamento 
Bomba de encher estava com valor de R$ 88,10 na licitação. Em Pregão Eletrônico de 2015, o mesmo item foi comprado a R$ 19 (364% de sobrepreço). No mesmo lote, rede de voleibol custava R$ 220,85 enquanto em 2016, rede de nylon era R$ 46,02 (sobrepreço de 380%). Uniforme que custou R$ 13,58 há três anos sairia agora a R$ 69 (408% mais caro). (O Povo)


Nenhum comentário: