Informações educativas

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Professores de Ipueiras reivindicam reajuste de salários


Os professores de Ipueiras, não todos, mas alguns andam falando em greve por conta de reajustes salariais, inclusive com movimentos para este fim. O MEC estipulou um reajuste de R$ 6,81% para os professores que possuem nível médio. 

O sindicato quer, pelo que se escuta nos áudios, pelo menos uma proposta para debater as possibilidades. 


Porém, muitos docentes não compreendem que os governos são obrigados a pagarem o piso, ou seja, o mínimo possível que hoje está estipulado em R$ 2.455,35 para uma jornada de 2 turnos e para 4 horas, R$ 1.227,67.  Quem ganha mais que isso, já ganha o piso. 

No caso, o governo federal, ou seja  o MEC teria que arcar com este custo mas não passa um mísero centavo caso o percentual seja estendido a todas as classes de professores que ganham mais que o piso. 

Pois bem, em áudio divulgado pelo face, o prefeito de Ipueiras disse que pelo que anda as finanças da prefeitura, ele já teria era que reduzir salários e não, conceder reajustes, já que entrou 2018 com dívidas e a Lei de Responsabilidade Fiscal recomenda prudência. O gestou mencionou que assim que a coisa melhorar, ai cede mas por enquanto...


Ministros do Supremo decidem!


Aniversário de 30 anos de Croatá e as bandas


Os festejos de Croatá terão início nesta sexta (20) no distrito de Lagoa da Cruz. Confira a programação.

Supremo concede prisão domiciliar a Paulo Maluf

O problema não é soltar Maluf agora, mas não ter passado o personagem na tranca no tempo em que Kakay, seu advogado, descia ao asfalto para bater bumbo por sua punição. Nessa época, Maluf era uma espécie de corrupto oficial do Brasil, capaz de absolver pelo contraste todo o resto da bandidagem. Hoje, Maluf parece um amador perto dos larápios fisgados na Lava Jato —alguns como reincidentes do mensalão.
Maluf foi condenado por desviar verbas na obra da Avenida Águas Espraiadas. Coisa ocorrida há mais de duas décadas, quando era prefeito de São Paulo. Foi denunciado por cinco atos de lavagem de dinheiro. Escondeu a grana malufada em contas no exteriror. Quatro imputações prescreveram. Apenas uma continuava viva, porque um pedaço do tesouro, escondido em 1997, foi descoberto em 2006 —e continuava matematicamente passível de punição.
Graças à infinidade de recursos que o sistema processual oferece aos réus, o processo envelheceu junto com Maluf. Como nem tudo prescreveu, Maluf é submetido, em idade avançadíssima, a uma condenação que deveria ter amargado na ocasião em que seu advogado era um estudante que subia no caixote para atacá-lo. Preferiu protelar. Agora, Maluf paga honorários ao ex-estudante para demonstrar ao Supremo que está muito velho para cumprir pena.
Não é que o crime não compensa. A questão é que, quando ele compensa, muda de nome. Passa a se chamar Paulo Maluf. No momento, uma legião de malufes se esforça para derrubar no Supremo a jurisprudência que permite a prisão de condenados na segunda instância.

Quase metade dos municípios cearenses continuam em estado de emergência no Ceará


Estiagem severa e problemas de abastecimento de água levaram o Governo do Estado a decretar a renovação da situação de emergência em 48 municípios do Ceará. 

Com o decreto32.568, de 16 de abril de 2018, publicado no Diário Oficial do Estado na terça-feira, 17, chega a 89 o número de cidades em situação de emergência devido à seca prolongada, o que perfaz 48,3% dos 184 municípios cearenses.

Até o início deste ano eram 94 os municípios em situação de emergência pela estiagem. Barroquinha, Bela Cruz, Fortim, Ererê e Granja deixaram a lista. Ao longo dos últimos seis anos de seca, o número, conforme a Defesa Civil Estadual, chegou já a 176.

Na prática, com o decreto, o governo deve prestar apoio aos municípios.


Após surpreenderem nas primeiras semanas de abril, chuvas diminuem; entenda por quê


Raul Fritz, meteorologista da Funceme aponta que essa diminuição de chuvas é explicada pelo afastamento temporário da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) da costa cearense. "É uma condição que é comum, ela oscila a sua posição de forma que as precipitações diminuem. Á ZCIT é o nosso principal sistema meteorológico indutor de chuvas".

Ele comenta que a previsão é que esta zona retorne aos dominíos meteorológicos cearenses ainda neste fim de semana. "Ela deve voltar neste fim de semana, trazendo novamente as chuvas regulares. A tendência é que as precipitações permaneçam até o fim do mês.".

"Já estamos na categoria de média histórica. O ápice histórico de abril é 188 mm e o Estado já marcou 186 mm. É possível que até o fim do mês a média seja ultrapassada", prevê Raul Fritz.

Em maio, a média é 90,6 mm, mas de acordo com ele, já aconteceram ultrapassagens deste volume.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Professor tem moto furtada na frente de escola de Ipu


O professor de educação física e radialista Wanderley Soares, recreador em uma escola da rede privada de Ipu, teve sua moto modelo Honda/CG Titan KS, cor cinza, ano 2009,  placa NRD-0739 furtada na manhã desta terça-feira (17/04).

De acordo com o narrador esportivo, ele deslocou-se para o seu local de trabalho conduzindo a motocicleta e estacionou em frente a escola, ao lado de outras motocicletas. Ao sair do expediente de trabalho, por volta das 10h, ele percebeu que haviam furtado sua motocicleta.

O radialista acionou a policia para comunicar o fato e prestar um B.O. na Delegacia de Polícia Civil. Os agentes estão em investigação para recuperar a moto, e pedem colaboração de todos através desta matéria jornalística. (Ipu Notícias)


Número de açudes sangrando no Ceará dobra em duas semanas e chega a 20

Em menos de duas semanas a quantidade de açudes sangrando dobrou no Ceará. Nesta quarta-feira, 18, de acordo com dados da Companhia de Gestão e Recursos Hídricos (Cogerh), este número chegou a 20. 

No último dia 4 de abril, eram 10 os reservatórios com capacidade hídrica em 100%. 

Sessenta e sete cidades do Ceará reajustam o salário dos professores


Em pelo menos 62 municípios a reposição salarial do magistério foi igual ou superior a 6,81%, conforme a Lei Nacional do Piso da categoria. Já em Fortaleza, os professores entram em greve a partir desta quarta-feira (18) em busca do percentual citado.
O levantamento realizado pela Fetamce junto aos sindicatos de servidores foi atualizado e constata que agora são 67 as cidades do Ceará que já reajustaram o salário dos professores em 2018. Em pelo menos 62 municípios a reposição salarial do magistério foi igual ou superior a 6,81%, conforme a Lei Nacional do Piso da categoria.
Na maioria das localidades, o aumento foi aplicado de forma linear, ou seja, contemplando igualmente educadores com ensino médio, graduação, especialização, mestrado e doutorado.
Permanecem em destaque Parambu, Nova Russas e Iguatu, onde os professores professores conquistaram respectivamente de 8%, 7,5% e 7% de crescimento no benefício. Além deles, os educadores com nível superior de Araripe comemoram os 10% de evolução nos proventos.
Subiu para cinco o número de cidades onde o índice não chega ao estipulado pelo Ministério da Educação, são Miraíma, com 2,653%; Jaguaretama, com 1,95%; Cascavel, com 4%; Poranga, também com 4%, e Orós, com 2,8%.
Há que se considerar ainda que em algumas cidades o reajuste será parcelado, mas com efeito retroativo aos 12 meses de 2018. Em outros, os 6,81% serão alcançados de forma escalonada, reduzindo a abrangência dos retroativos. (Fonte: Cearaagora)


Chove em 67 municípios nas últimas horas

Poucas nuvens no Ceará mostra satélite

O Ceará teve, entre terça-feira e quarta-feira, um dos menores números de municípios com chuva comparado aos últimos dias, apenas 67, até às 9h35min. Conforme dados da Funceme, o maior volume registrado entre as 7 horas da última terça-feira, 17, e o mesmo horário desta quarta-feira, 18, foi em Viçosa do Ceará (87 milímetros), na serra da Ibiapaba. Ipueiras (57mm) e Itaitinga (38mm) seguem na lista das maiores precipitações.

Previsão para o dia 19/04/2018

No decorrer do dia, nebulosidade variável com possibilidade de chuva em todas as regiões do estado.
Previsão para o dia 20/04/2018
Nebulosidade variável com possibilidade de chuva em todas as regiões ao longo do dia.

Professores da rede municipal de Fortaleza entram em greve

Os professores da capital cearense declararam greve nesta quarta (19) em função de três fatores: pagamento integral do reajuste do piso (6,81%); licença prêmio e mais segurança e infraestrutura nas escolas.

A prefeitura quer repor 2,95% que é a inflação oficial e o restante em janeiro do ano que vem, o que o eles não aceitaram. 

A prefeitura alega que perante a lei ela já paga mais que o piso, pois o salário é R$ 4.647,87 para 40 horas, e com o reajuste de 2018 da inflação, o salário passou para R$ 4.972,82 enquanto que o piso propõe R$ 2.455.

Homens realizam 23,3% menos afazeres domésticos que mulheres no Ceará


Quanto maior o nível de instrução do homem, maior a taxa de realização de tarefas domésticas. Dos indivíduos do sexo masculino sem instrução ou com fundamental incompleto, 73% se ocupam de afazeres domésticos, enquanto 83,8% dos que têm nível superior completo executam essas atividades. No Ceará, os homens realizam 23,3% menos afazeres domésticos que as mulheres.

Os dados, divulgados nesta quarta-feira, 18, são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua 2017 - Outras formas de trabalho, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

Entre 2016 e 2017, o percentual de pessoas que realizavam afazeres domésticos e cuidados de pessoas cresceu de 82,7% para 86%, chegando a 145 milhões de pessoas no País. Esta taxa cresceu mais entre os homens (4,6%) do que entre as mulheres (2%), mas ainda mostra grande discrepância entre gêneros: 92,6% para as mulheres e 78,7% entre homens. (O Povo)