sábado, 24 de setembro de 2016

Atenção mulheres: Curso 'A Arte de Seduzir' nesta terça-feira (27/09) interessadas contactar Cláudia Verônica - organizadora



Rotina


Croatá: comício do candidato a Prefeito Antônio Onofre nesta sexta (23/09)


Foi nesta sexta-feira (23/09) no distrito de Santa Tereza, o comício do candidato a reeleição Antônio Onofre e sua vice Enedina Campos. A coligação do Prefeito reúne 21 candidatos a vereadores, tendo como representante no distrito a candidata Maria Pereira. 


Os vereadores enalteceram o trabalho da gestão, citando benfeitorias trazidas por Antônio Onofre para todo o município. Em Santa Tereza, só o Posto de Saúde foi um investimento de mais de 500 mil reais, além de calçamentos, conclusão da Creche, dentre outros. 


Estavam muitas pessoas presentes no comício. Eram apoiadores de todo o Croatá.


Antônio Onofre lembrou que é preciso investir mais, no entanto, o país passou por uma grave crise. E mesmo assim, conseguiu trazer conquistas  para o município.  Ele entregou recentemente uma ambulância zerada para ficar a disposição do distrito. 


Se você deseja conhecer o que Antônio Onofre fez por Croatá, clique aqui.



No final ele agradeceu a presença de todos, pediu uma campanha sem agressões a ninguém e sim de propostas. Segundo o prefeito, é preciso paz, harmonia, nada de ataques.

Há 182 anos morria Pedro I


Reforma no ensino médio causa apreensão em estudantes e docentes

A maior mudança dos últimos 20 anos do ensino médio, anunciada ontem e prevista para 2017, veio seguida de boatos, informações desencontradas e esclarecimentos. 
Dúvidas e preocupações permanecem entre estudantes, professores e coordenadores de escolas particulares e públicas, que devem ser afetados diretamente pelas mudanças no próximo ano. Eles reconhecem a necessidade de reformular o sistema escolar. Contudo, revelam insatisfação na forma como a decisão foi tomada pelo Governo Federal. 
 A Medida Provisória (MP) apresentada quinta-feira, 22, pelo presidente Michel Temer (PMDB) e pelo ministro da Educação Mendoça Filho prevê aumento da carga horária, formação técnica e profissional e novo calendário escolar. Alunos poderão escolher as disciplinas que irão cursar de acordo com o interesse e com áreas básicas exigidas. Com a mudança, profissionais com notório saber poderão ministrar aulas. (O Povo)

Onze dos 44 PMs presos por chacina dizem que são vítimas de injustiça

“Passei de herói a bandido em segundos. Prendi três pessoas que faziam uma série de assaltos e no outro dia vim pra cá (Fortaleza), taxado de bandido. Estou vendo todo o meu trabalho sendo jogado no lixo com acusações mentirosas. 

Estão dizendo que sou homicida. Tenho três anos de Polícia e 32 de idade. Nunca matei ninguém em minha vida”. As palavras são do soldado Fábio Paulo Sales Gabriel, que compunha a composição de Horizonte com os PMs Hugo dos Santos Guedes e Jucieldo Holanda Lopes. 

Os três afirmam que estavam juntos no dia da chacina, quando foram à Grande Messejana, na base do “Crack É Possível Vencer” prestar apoio à família do soldado Valtemberg Serpa, morto horas antes da chacina. Eles teriam parado numa lanchonete na avenida Washington Soares e, em seguida, voltado para Horizonte. Eles estão entre os 11 PMs ouvidos pelo O POVO que negam participação na chacina, se solidarizam com as vítimas e pedem Justiça para o caso. Afirmam que não querem “pagar uma conta” que não seria deles.

Destes 11, os que estavam de folga relatam que foram ao lugar para prestar solidariedade ao colega de farda. Os que trabalhavam dizem que atenderam ocorrências de lesão a bala e óbito, passadas pela Coordenadoria Integrada de Segurança (Ciops), e que não se omitiram em atender as vítimas. (O Povo)